Monthly Archives: janeiro, 2015

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Estado Mato Grosso confirmou a morte 11 pessoas no acidente com um ônibus de Imperatriz (MA), na BR-070, no município de General Carneiro, a 449 km de Cuiabá, nesta quinta-feira (29).
Alguns corpos ficaram presos entre as ferragens e outros foram arremessados para longe do veículo.
O veículo saiu da pista em um trecho conhecido como ‘Curva do Índio’ e capotou às margens da rodovia. As causas do acidente ainda não foram identificadas.
A suspeita, de acordo com a polícia, é de que o motorista tenha cochilado e, na curva, continuou seguindo em linha reta. Ele teria tentado voltar para a pista e o ônibus tombou. Não há marcas de frenagem, nem de óleo na pista e nem de colisões anteriores.
Havia 42 passageiros no veículo no momento do acidente. De acordo com a empresa responsável pelo ônibus, a Satélite Norte, o veículo tinha saído de Imperatriz, aqui no Maranhão, com destino a Peixoto de Azevedo, a 692 km da capital. O ônibus ainda não havia passado em Cuiabá, onde estava previsto o desembarque de cinco passageiros.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, 23 pessoas ficaram feridas no acidente e foram encaminhadas para o Pronto Atendimento Municipal de Primavera do Leste. Já a unidade de saúde informou que 26 vítimas do acidente deram entrada no hospital com ferimentos. O motorista do ônibus está entre os sobreviventes. Ele também foi levado para essa unidade de saúde.
Até o momento, três maranhenses foram identificados entre os mortos. Antônio Sousa, do município de Bom Lugar; Maurício P. da Silva, de Santa Inês e outro passageiro que não teve o nome revelado, que havia saído da cidade de Buriticupu.
Ao que tudo indica, o Moto terá todas as suas despesas pagas pela CBF na Copa do nordeste. Em negociação com a Federação Maranhense de Futebol, a entidade definiu que o representante maranhense não precisará custear sua participação na competição regional.

As negociações aconteceram em São Paulo onde o presidente da entidade, Antônio Américo selou a vinda recursos para que o Papão do norte dispute toda a fase de classificação sem precisar de gastos e caso avance, o clube continuará com o apoio da CBF. 

“Vinha lutando calado junto à CBF para conseguir isso. Nessa viagem a São Paulo, recebi o sinal verde. O Moto terá todas as suas despesas pagas pela CBF”, ressaltou o presidente. 

O Moto estreia na competição neste próximo dia 4 de fevereiro diante do Piauí (PI) fora de casa pelo grupo C da competição. logo neste primeiro jogo, custos como viagenm e hospedagem serão de responsabilidade da Confederação. Antes disso, o Rubro-Negro atua contra o Cordino, no domingo pela estreia do campeonato Maranhense.

O número de pessoas mortas por raios no Brasil chegou a 98 em 2014, uma a menos do que o registrado em 2013, de acordo com levantamento do Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), baseado em informações da imprensa, da Defesa Civil e do Ministério da Saúde.
A maior parte das mortes por raios aconteceu em São Paulo, com 17 casos, seguido de perto pelo estado do Maranhão, com 16 registros de mortes. Depois vêm Piauí, com sete casos, Amazonas e Pará, com seis mortes, cada.
As cidades que tiveram maior número de vítimas em 2014 foram: São Paulo, com cinco vítimas; Praia Grande (SP), quatro vítimas; Pauini (AM), Wanderley (BA) e Igarapé Grande (MA) com duas vítimas, cada. Entre as vítimas, 56% viviam na zona rural.
Em 7 de novembro morreram três moradores de rua, atingidos simultaneamente por um raio; e em 29 de dezembro quatro banhistas receberam descarga atmosférica em Praia Grande, no litoral.

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA) desaprovou, em Sessão Plenária realizada na última quarta-feira (28), as contas apresentadas pelos seguintes gestores públicos: Antonio Carlos Rodrigues Vieira (Tasso Fragoso/2010), com multas no total de R$ 78.020,00; Arnaldo Gomes de Sousa (Altamira do Maranhão/2009), com multas no total de R$ 72.400,00; Dea Cristina da Silva Miranda (Sambaíba/2010) e Iara Quaresma do Vale Rodrigues (Nina Rodrigues/2006), com débitos no total de R$ 217.429,00 e multas no total de R$ 135.491,00.
Entre as Câmaras Municipais, foram julgadas irregulares as contas de Antonio Vitorino de Brito (Lagoa do Mato/2010), com multas no total de R$ 16.690,00; Delson Lopes da Silva (Altamira do Maranhão/2009), com multas no total de R$ 11.000,00; Jorge Ascenção Rodrigues Filho (Bequimão/2011), com débitos no total de R$ 4.497,24 e multas no total de R$ 24.910,00 e Manoel Rodrigues dos Santos Filho (São Benedito do Rio Preto/2010), com débitos no total de R$ 8.638,51 e multas no total de R$ 25.995,00.
Informações são do TCE-.

A Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) enviará já no próximo mês os novos arquivos com lotes de 40 mil certidões de devedores do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para inscrição no Serviço de Proteção ao Crédito (Serasa). Os devedores já notificados terão seus débitos inscritos na dívida ativa estadual para a cobrança executiva, além do lançamento junto ao cadastro restritivo da Serasa.
Para facilitar a verificação das informações de débitos por pessoas e empresas que possuam veículos com registro de propriedade em seu nome ou razão social, foi disponibilizado um sistema de consulta na página da Sefaz.
O interessado deve acessar o ícone IPVA e depois a opção ‘IPVA – Notificados/Serasa’. É necessário informar o número do CPF ou CNPJ. Com o número do Renavam, que é exibido no rodapé da página, o interessado pode fazer uma consulta no ícone ‘IPVA – Débitos’ onde o Serasa identificará de que veículo se trata. Constatada a existência de débitos, o interessado poder emitir o Documento de Arrecadação (Dare) no site e realizar o pagamento nos correspondentes do Banco do Brasil.
Os proprietários de veículos com débitos devem aproveitar a medida provisória expedida pelo governo do Estado que concedeu a redução de 100% das multas e dos juros moratórios dos débitos de IPVA referentes aos exercícios de 2014 e anteriores, desde que pagos em cota única até o dia 5 de junho deste ano.
O contribuinte com débito deve emitir o documento de arrecadação com o código de barras na página da Sefaz. O interessado deve clicar no ícone ‘Dare’, marcar a opção ‘Contribuinte do IPVA’ e informar o Renavam do veículo. Com o documento impresso, o contribuinte poderá efetuar o pagamento no Banco do Brasil e nos seus correspondentes.
A Polícia Civil, através do Denarc e Delegacia Regional de Itapecuru, deflagrou na manhã desta Sexta-feira (30) uma operação de combate ao tráfico de drogas na cidade de Itapecuru, intitulada “Folia Sem Drogas”.
Segundo o Delegado do Denarc Claudio Mendes Pereira, eles estão cumprindo 15 mandados de busca e apreensão e que resultou na prisão de nove pessoas pelos crimes de tráfico de drogas, comercialização de munições, posse de arma e munição.
A ação da Polícia Civil resultou também na apreensão de 600 petecas de crack, uma pedra de aproximadamente de 250 gramas de crack e apreensão de três motos.
As investigações foram realizadas pela equipe da Polícia Civil de policiais da SPCI, com o apoio da delegacia de Itapecuru, Pirapemas, Vargem grande e GRT.
A ação contou com 40 policiais civis e além de delegados, agentes e escrivães. Os presos estão na 2ª Delegacia Regional de Itapecuru.
Do Blog Alvorada Notícias.

Há quinze dias, os quatro executivos da construtora OAS, presos durante a Operação Lava-Jato, tiveram uma conversa capital na carceragem da polícia em Curitiba. Sentados frente a frente, numa sala destinada a reuniões reservadas com advogados, o presidente da OAS, Léo Pinheiro, e os executivos Mateus Coutinho, Agenor Medeiros e José Ricardo Breghirolli discutiam o futuro com raro desapego. Os pedidos de liberdade rejeitados pela Justiça, as fracassadas tentativas de desqualificar as investigações, o Natal, o réveillon e a perspectiva real de passar o resto da vida no cárcere levaram-nos a um diagnóstico fatalista. Réus por corrupção, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa, era chegada a hora de jogar a última cartada, e, segundo eles, isso significa trazer para a cena do crime, com nomes e sobrenomes, o topo da cadeia de comando do petrolão. Com 66 anos de idade, Agenor Medeiros, diretor internacional da empresa, era o mais exaltado: “Se tiver de morrer aqui dentro, não morro sozinho”.
A estratégia dos executivos da OAS, discutida também pelas demais empresas envolvidas no escândalo da Petrobras, é considerada a última tentativa de salvação. E por uma razão elementar: as empreiteiras podem identificar e apresentar provas contra os verdadeiros comandantes do esquema, os grandes beneficiados, os mentores da engrenagem que funcionava com o objetivo de desviar dinheiro da Petrobras para os bolsos de políticos aliados do governo e campanhas eleitorais dos candidatos ligados ao governo. É um poderoso trunfo que, em um eventual acordo de delação com a Justiça, pode poupar muitos anos de cadeia aos envolvidos. “Vocês acham que eu ia atrás desses caras (os políticos) para oferecer grana a eles?”, disparou, ressentido, o presidente da OAS, Léo Pinheiro. Amigo pessoal do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos tempos de bonança, ele descobriu na cadeia que as amizades nascidas do poder valem pouco atrás das grades.
Na conversa com os colegas presos e os advogados da empreiteira, ele reclamou, em particular, da indiferença de Lula, de quem esperava um esforço maior para neutralizar os riscos da condenação e salvar os contratos de sua empresa. Léo Pinheiro reclama que Lula lhe virou as costas. E foi dessa mágoa que surgiu a primeira decisão concreta do grupo: se houver acordo com a Justiça, o delator será Ricardo Breghirolli, encarregado de fazer os pagamentos de propina a partidos e políticos corruptos. As empreiteiras sabem que novas delações só serão admitidas se revelarem fatos novos ou o envolvimento de personagens importantes que ainda se mantêm longe das investigações. Por isso, o alvo é o topo da cadeia de comando, em que, segundo afirmam reservadamente e insinuam abertamente, se encontram o ex-presidente Lula e Dilma Rousseff.
Petrobras desistiu de construir duas refinarias que estavam previstas em seus planos estratégicos de longo prazo. Uma delas é a Refinaria Premium I, que estava para ser construída no município de Bacabeira, na Grande São Luís.
Os serviços de terraplanagem já habiam começado, mas foram interrompidos há cerca de dois anos quando várias empreiteiras foram dispensadas dos contratos. No lançamento da pedra fundamental esteve presente o ex-presidente Lula da Silva.
A baixa com as refinarias Premium I e II, Abreu e Lima, em Pernambuco e Comperj, no Rio de Janeiro, foram propostas e aprovadas na gestão do ex-diretor Paulo Roberto Costa, delator na Operação Lava Jato que cumpre pena domiciliar e responde a ações penais por corrupção na estatal.
As duas refinarias do Maranhão e do Ceará foram planejadas em 2008, com o intuito de aproveitar as margens financeiros do refino. A parte esssencial de todo o projeto foi divulgado em 2010, em Bacabeira e Pecém, no Ceará,, pela diretora da empresa, inclusive com a participação do ex-presidente Lula e de Dilma Roussef.
Ontem (28) à noite, o ooverno do Estado do Ceará repudiou a decisão da Petrobras de desistir da refinaria Premium II, cuja instalação estava prevista para ocorrer no litoral do Ceará. Em nota, o governo do Ceará classifica a viabilização do empreendimento como “um sonho do povo cearense e importante vetor de desenvolvimento local e regional”.
A desistência ocorrência, segundo informou ontem a própria Petrobras, aconteceu por conta de prejuízos financeiros. No terceiro trimestre de 2014, a Petrobras anunciou oficialmente o prejuízo de aproximadamente R$ 2,7 bilhões.

O maior motivo do prejuízo foi a descontinuação dos projetos nas refinarias. Em carta assinada pela presidente Graça Foster, a empresa reconhece que o tamanho provável do rombo pode ser até maior do que o valor divulgado inicialmente.

Um terço dos ativos da estatal passaram por um processo de avaliação por firmas independentes, porém a presidente da empresa afirma que o amadurecimento adquirido no desenvolvimento do trabalho tornou evidente que essa metodologia não se apresentou como uma substituta ‘proxy’ adequada para mensuração dos potenciais pagamentos indevidos.

Sobre este caso, a presidente da estatal relatou: “O resultado das avaliações indicou que os ativos com valor justo abaixo do imobilizado totalizaram R$ 88,6 bilhões de diferença a menor. Os ativos com valor justo superior totalizaram R$ 27,2 bilhões de diferença a maior frente ao imobilizado”. Apesar disso, a empresa decidiu não utilizar a metodologia do valor justo para ajustar os ativos no balanço.

A expectativa final aponta que aquilo que seria um prejuízo de mais de R$ 60 bilhões por perdas contábeis se transformou num lucro de R$ 3 bilhões no trimestre (que, ainda assim, representa uma queda de quase 40% em relação ao trimestre anterior). O EBITDA ajustado, uma proxy da geração bruta de caixa da empresa, ficou em R$ 11,7 bilhões no trimestre, uma queda de 28% em relação ao segundo trimestre.
Publicado em 29-01-2015 06:57:32.

Segundo informações, ela e mais outras crianças estavam em uma canoa e se alagaram, o avô conseguiu salvar as outras crianças mas infelizmente essa teria escapado das mãos dele e quando foi encontrada estava sendo devorada por piranhas.

Ainda segundos informações preliminares, essa criança morava na comunidade cupim, interior de Prainha, e estava passando férias com os avós nessa localidade. O corpo está no necrotério do Hospital Municipal de Monte Alegre.
Por se tratar de uma criança não iremos mostrar o rosto da mesma. Daqui a pouco traremos mais informações sobre esta fatalidade.


ICATU – A cidade de Icatu esta de luto, morre o vereador Samuel Gonçalves,do município de Icatú, era vereador de primeiro mandato vitima de acidente no município, e estava internado no hospital Carlos Macieira e faleceu na tarde desta quarta-feira (28) em São Luís. O vereador era irmão do prefeito da cidade, José Ribamar Moreira Gonçalves “Dunga”- DEM, tinha sofrido um acidente de transito enquanto voltava do povoado Baiacuí zona rural do município de Icatu.
Samuel estava conduzindo uma moto no perímetro urbano do município quando caiu do veiculo, as causas reais do acidentes são desconhecidas. O acidente aconteceu na madrugada do dia 20 de janeiro; o vereador recebeu os primeiros atendimentos no hospital municipal e posteriormente transferido para São Luís. Na capital maranhense Samuel ficou os primeiros dias internado no Centro Médico, no bairro do monte castelo, em seguida foi levado para o hospital Carlos Macieira, onde faleceu.João Samuel Moreira Gonçalves, tinha 53 anos e pertencia ao partido do DEM. Samuel além de parlamentar, era irmão do prefeito Dunga e filho do ex-prefeito em 1993 e já falecido Caburé. 
1 2 3 6
Como podemos te ajudar?