Itapecuru-Mirim: Professora que lutava contra câncer não resiste e morre

Comentários 1

Acabou por volta das 21h deste sábado (16), a luta pela vida da professora Francilene, aos 32 anos. De acordo com informações, ela vinha há cerca de um ano enfrentando as consequências de um câncer.

Em meio as campanhas solidárias e uma esperança de um tratamento que pudesse reverter a doença, o câncer avançou nos últimos meses, ocasionando crises no seu estado de saúde e levando a professora a ser hospitalizada por diversas vezes.

Francilene faleceu no Hospital Carlos Macieira, em São Luís. Ela deixa esposo, filho e um exemplo pela perseverança de vida.

Ficam aqui nossos sentimentos de pesar e rogamos a Deus para que ele possa confortar o coração dos familiares, amigos e todos aqueles que admiravam essa grande mulher, que deu importante contribuição para a sociedade Itapecuruense, sobretudo na área da Educação.

Uma resposta para “Itapecuru-Mirim: Professora que lutava contra câncer não resiste e morre”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como podemos te ajudar?