Indivíduos são presos por suspeita na participação de tiroteio que deixou criança baleada em Codó

Polícia Civil do Estado do Maranhão, através da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil, cumpriu mandado de prisão de Rafael Cleiton Silva de Souza por suspeita de participação do tiroteio que deixou uma criança de quatro anos gravemente ferida em Codó (MA).

Rafael Cleiton Silva de Souza e José Francisco da Conceição Carmo

De acordo com a Polícia Civil, a prisão de Rafael Cleiton ocorreu no último sábado (10), um dia depois da prisão em flagrante de seu comparsa, um jovem identificado como José Francisco da Conceição Carmo. Os dois vão responder pelo crime de tentativa de homicídio qualificado, por motivo torpe.

Os dois suspeitos foram levados para a Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Codó, onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

Vítima paraplégica

A equipe médica do Hospital Regional de Urgência e Emergência de Presidente Dutra, que cuida da criança de quatro anos baleada em Codó (MA), confirmou que ela está com paraplegia.

O projétil atingiu o pescoço da menina e ficou alojado na coluna cervical. Segundo o médico Dr. Rodrigo, que enviou um áudio para a repórter Emanuela Carvalho, da TV Cidade, a criança perdeu os movimentos das pernas.

“Infelizmente, de acordo com o neurocirurgião, é que ela vai ficar sem os movimentos dos membros inferiores, no caso uma paraplegia, por conta de que a bala atingiu a região cervical, a coluna, na parte do pescoço. Aí ela infelizmente vai perder os movimentos das pernas”, informou o profissional.

Testemunhas informaram que a criança estava brincando na rua quando foi baleada durante um tiroteio ocorrido entre bandidos, na noite desta sexta-feira (09) na Rua São Miguel, no bairro Codó Novo.

Suspeito descartado

As autoridades policiais também descartaram a participação de Carlos Daniel dos Santos Lima, popularmente conhecido como “Biel”, na participação do crime. As investigações apontaram que o jovem não estava no local do crime no momento do tiroteio.

 

Por: Blog do Marco Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar mensagem
Estamos Online